Dados do setor de eventos de 2019

Pesquisa mostra que 73% das empresas esperam crescimento de faturamento em 2020 e como consequência pretendem aumentar o número de pessoas em seu quadro funcional.

Acesse os dados da pesquisa clicando aqui.

Paraná Turístico 2026

Oriundo da necessidade de atualização do Plano de Turismo do Estado do Paraná 2012-2015, surgiu da criação no âmbito do CEPATUR – Conselho Paranaense de Turismo, do Grupo de Estudos Pró-Planejamento Decenal do Turismo do Paraná, coordenado por uma Comissão Técnica dele proveniente, responsável por definir a metodologia, os recursos, parceiros e ações para sua elaboração. Como produto de um processo de construção conjunta e pactuada entre o poder público, iniciativa privada e a sociedade civil do Estado e das regiões turísticas, esse documento segue a Política de Turismo do Paraná (Lei nº 15.973/2008), se constituindo em um instrumento estratégico participativo direcionador de esforços em longo prazo, com uma visão de futuro desafiadora, objetivos, estratégias, macroprogramas e metas a serem atingidos, a partir de uma gestão voltada para promover uma mudança no turismo paranaense, no horizonte temporal de 2016 a 2026, que zele pela sua aplicação prática baseada nos princípios da sustentabilidade, no alinhamento institucional, em orçamentos adequados, em comunicação interna e externa eficazes, e, sobretudo no uso racional do nosso patrimônio, estabelecendo um verdadeiro Pacto para construir um destino turístico inteligente.

Paraná Turístico 2026 – Pacto para um destino inteligente

Indicadores Econômicos do Agenciamento Turístico Nacional - 2016

Para 79,6% das empresas de agenciamento turístico do Brasil, o volume de vendas voltará a crescer dentro de um período de até um ano. É o que aponta o estudo Indicadores Econômicos do Agenciamento Turístico Nacional 2016, realizado pelo Instituto de Pesquisas, Estudos e Capacitação em Turismo (Ipeturis), a pedido do Sindicato das Empresas de Turismo.

A maioria das agências de viagens, formada por 44,1% das empresas consultadas, indicou o período de até um ano para a retomada das vendas em crescimento, sendo que para 26,9% delas as vendas retornam em no máximo seis meses. A pesquisa ponta que as expectativas são positivas para as vendas do 3º trimestre de 2016, segundo 64,9% dos entrevistados.

Indicadores Econômicos do Agenciamento Turístico Nacional – 2016

Dados

Dados Gerais do Turismo no Paraná 

Estudo realizado entre 2006 e 2011, pela Secretaria de Turismo do Paraná.

Atrativos Turísticos do Paraná

Estudo realizado entre 2009 e 2013, pela Secretaria de Turismo do Paraná.

Meios de Hospedagem no Paraná

Estudo realizado entre 2009 e 2012, pela Secretaria de Turismo do Paraná

Demandas Turísticas

Estudos realizados pela Secretaria de Turismo do Paraná sobre o perfil da demanda turística no Paraná e seu potencial.

Curitiba: Turismo Receptivo Comparativo (1995-2007)
Turismo Receptivo da Melhor Idade (1995-2007)

Foz do Iguaçu: Estudo de Demanda Turística (2011-2012)

Cascavel: Estudo de Demanda Turística (2005-2007)

Londrina: Estudo de Demanda Turística (2005-2007)

Maringá: Estudo de Demanda Turística (2005-2007)

Litoral: Estudo de Demanda Turística (2000-2006)

Municípios Lindeiros ao Lago Itaipu: Estudo de Demanda Turística (2008)

Cadeia Produtiva do Turismo do Paraná

II Dimensionamento Econômico da Indústria de Eventos no Brasil - 2013

O Dimensionamento teve como objetivo quantificar a participação da indústria de eventos no PIB do Brasil, avaliar a sua contribuição no processo de geração de emprego, renda e impostos, além de inventariar os espaços de eventos no País, suas características, localização e dinâmica de funcionamento. A pesquisa foi uma iniciativa da Associação Brasileira de Empresas de Eventos – ABEOC Brasil e do Sebrae Nacional, através do Programa de Qualidade ABEOC Brasil, com apoio da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação (FBHA) e ForEventos (Fórum do Setor de Eventos).

Acesse aqui – II Dimencionamento Econômico da Indústria de Eventos no Brasil

Fechar Menu